10 Jan 2017

Ainda que a liquidez seja baixa, aos poucos, parte dos representantes de moinhos tem voltado ao mercado, adquirindo novos lotes de trigo. Alguns agentes, no entanto, seguem abastecidos para os próximos dias, recebendo o trigo negociado em dezembro e também o importado, especialmente da Argentina.

Do lado do produtor, conforme pesquisadores do Cepea, alguns estão interessados em vender o trigo, no intuito de liberar espaço para entrada da safra de verão de milho e também de soja. Outros triticultores, no entanto, estão afastados das vendas deste cereal, à espera de recuperação nos preços.

Fonte: Cepea