11 Aug 2016

A comercialização de trigo no Brasil segue lenta, já que o volume de grão disponível é baixo. No início da semana passada, os preços registraram pequenas quedas, mas a partir de quinta-feira, 4, os recuos passaram a ser mais intensos, influenciados pelas boas perspectivas para a safra 2016/17 e pela retração de compradores, que estão relativamente abastecidos até a entrada do produto da nova temporada.

Segundo pesquisadores do Cepea, a queda mais expressiva foi verificada no estado de São Paulo, onde a maioria dos moinhos está importando trigo a preços mais competitivos que os do mercado interno. Entre 1º e 8 de agosto, o valor médio do trigo no estado paulista caiu 4%, fechando a R$ 850,75/t na segunda-feira, 8.

Fonte: Cepea