20 Jul 2016

Apesar de apresentar variações distintas entre as regiões acompanhadas pelo Cepea, os preços do trigo seguem em patamares elevados, refletindo a baixa disponibilidade interna – por conta de perdas na produção e qualidade em 2015 – e o maior interesse comprador. De modo geral, segundo pesquisadores do Cepea, o comportamento dos preços vem sendo influenciado pelas relações de oferta e demanda locais.

A firme demanda por farinhas de trigo, especialmente dos setores alimentícios, levou moinhos a aumentar as compras de trigo em grão. Entretanto, a oferta do produto de boa qualidade está baixa no Brasil e compradores têm relatado dificuldades na importação do cereal. Nesse cenário, o volume de moagem também está reduzido, limitando a oferta dos derivados no mercado interno.

Fonte: Cepea