28 Nov 2016

Cerca de 80 produtores ligados à atividade leiteira, incluído beneficiários da Chamada Pública do Leite, participaram da Tarde de Campo sobre Conservação do solo água, Tecnologia e Produção, em Três Arroios. O evento foi sediado na propriedade do produtor Luiz Valdecir Pertuzatti, na localidade de Santo Antônio, na quarta-feira (23/11) e também integra as comemorações dos 29 anos do município de Três Arroios. Promovido pela Emater/RS-Ascar, Prefeitura, por meio da Secretaria da Agricultura, Cotrel, Sicredi, Banrisul e Cresol e contou apoio da URI, o encontro abordou principalmente questões de conservação de água e solo.As orientações foram repassadas em quatro estações. Em uma delas, os técnicos da Emater/RS-Ascar Renato Mores e Jonas Farina falaram sobre o tema conservação de solo e água por meio de terraceamento com recomendações sobre os procedimentos adequados e cuidados que os produtores devem ter neste sistema.

Em outro espaço, os professores do curso de Agronomia da Uri, Antônio Sérgio do Amaral e Jardes Bragagnolo, juntamente com o técnico da Emater/RS-Ascar, Genuir Luis Denega, orientaram sobre manejo do solo para controle da erosão. Eles destacaram a importância da palhada no plantio direto para que a água infiltrada no solo seja mais eficiência para a produção. Os técnicos também chamaram a atenção para o uso integrado de práticas de controle no processo erosivo, entre elas, a rotação de culturas. Entre as principais causas da erosão estão a chuva, tipo se solo, topografia do terreno e ausência de práticas conservacionistas. Em outra estação o tema lavoura/pecuária foi tratado pelo agrônomo da Emater/RS-Ascar, Valmir Dartora, que observou que é grande o número de produtores da região do Alto Uruguai que produzem neste sistema.

Dartora orientou sobre a época mais adequeda para o plantio para obter melhor qualidade e produção das forrageiras, tanto de inverno como de verão, para uma dieta mais equilibrada dos animais e, desta forma, maior produção de leite e rentabilidade. Também destacou a importância da atividade leiteira no contexto econômico e social para a agricultura familiar.O agrônomo da Cotrel, Nilson Antoniazzi, abordou o tema tecnologia de plantio e produção de soja. Segundo ele, o produtor deve usar informações e tecnológicas para obter maior rentabilidade, mas observou que uma boa qualidade do solo, com manejo adequado para cada cultivar, também são fundamentais para aumentar a produção e a renda. Entre as ações também recomendou análise de solo, controle de pragas e doenças, adubação correta, entre outros aspectos que irão contribuir com a rentabilidade da lavoura.

O evento foi aberto pelo prefeito, Lírio Zarichta, pelo produtor Luiz Pertuzatti e esposa Janete Sirena Pertuzatti. Também participaram o gerente do Escritório Regional da Emater/RS-Ascar, Gilberto Tonello, o supervisor da microrregião, Valdir Zonin, bem como representantes das entidades promotoras e parcerias como a URI. Todos os envolvidos na organização do evento, que também são parceiros na campanha de conservação do solo e da água do Alto Uruguai, que integra ações do Programa Estadual de Conservação de Solo Água, destacaram a importância de levar aos produtores informações e tecnologia que proporcionem mais rentabilidade às famílias Também participou a equipe do Escritório Municipal de Três Arroios. Propriedade: A propriedade tem uma área total de 29,5 hectares, sendo 18h destinados a lavouras de grãos, um de eucaliptos e o restante com mata e pastagens.

Fonte: Emater-RS