02 Aug 2016

Ainda que abaixo da expectativa dos agentes para o período, a oferta de mandioca aumentou na última semana na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea. Como resultado, o volume de matéria-prima processada na indústria de fécula aumentou 5,4% em relação à semana anterior, derrubando as cotações tanto dos derivados como da raiz.

Segundo pesquisadores do Cepea, além da maior oferta, a demanda mais fraca pela farinha e fécula também pressionou os valores. Na semana, o valor médio a prazo da tonelada da mandioca posta fecularia foi de R$ 369,72 (R$ 0,6430 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), 3% menor que a do período anterior. Apesar da queda dos preços nas duas últimas semanas, a média nominal a prazo para julho superou em 21,6% a do mês passado.

Fonte: Cepea