26 Jul 2016

Com tempo muito seco e baixas temperaturas, o inverno paulista vem preocupando produtores rurais do estado, já que está afetando diversas culturas. Na região sudoeste, por exemplo, as geadas foram responsáveis por prejudicar a produção de milho. Embora ainda não seja possível mensurar o prejuízo, os produtores já perceberam os danos no campo e esperam uma perda grande na produtividade.

Segundo César Soares, meteorologista da Climatempo, a entrada de uma massa de ar polar foi a grande responsável por derrubar as temperaturas em todo o centro-sul do país, causando geadas generalizadas. “Várias cidades do interior paulista e do sul de Minas Gerais registraram o fenômeno, inclusive com temperaturas negativas”, afirma.

Por não ser uma cultura de inverno, o milho sempre acaba sendo afetado pelo clima mais frio. Embora o prejuízo dependa do estágio de desenvolvimento da cultura, a perda sempre é significativa quando ocorrem as geadas, explica Fabrício Tristão, engenheiro agrônomo da Secretaria de Agricultura de São Paulo. “Já deu para perceber o prejuízo no campo. As lavouras ficaram secas antes da hora, sinal de que terão bastante prejuízo”, conta o especialista que atua na cidade de Itapetininga, uma das mais afetadas pelo problema.

Infelizmente, não é possível evitar os danos causados por fatores climáticos, mas uma pequena parcela dos produtores consegue usar um sistema de irrigação por pivô central. “Essa técnica funciona como uma chuva, amenizando um pouco os efeitos das geadas, que congela a parte celular da planta”, explica Tristão.

De acordo com as previsões dos meteorologistas, a tendência para os próximos dias é de que as noites continuem frias, mas o frio intenso com baixas temperaturas deve dar uma folga para os produtores de milho. A semana que começa quente pelo estado paulista vai receber uma dose de ar polar nos últimos dias de Julho, mas que não vai trazer preocupação para os produtores. O ar polar chega fraco, sem previsão de novas geadas pelo estado de São Paulo.

Fonte: Linhas Comunicação