14 Sep 2016

O ritmo de comercialização do arroz em casca no Rio Grande do Sul está enfraquecido nesta primeira quinzena de setembro. Além do baixo interesse de indústrias e orizicultores em negociar, a dificuldade de carregamento dos lotes, devido às chuvas na região, e o feriado de 7 de setembro contribuíram para a lentidão do mercado. Entre 6 e 13 de setembro, o Indicador do arroz em casca ESALQ-SENAR/RS se manteve estável, fechando a R$ 50,18/sc de 50 kg nessa terça-feira, 13.

Conforme a Conab, a redução de 14,8% no volume da safra 2015/16 e a opção de pré-custeio da safra 2016/17 reforçam a posição retraída de players e a expectativa de maiores preços para o casca no período de entressafra. Do lado comprador, segundo pesquisadores do Cepea, parte das beneficiadoras preferiu adquirir o arroz depositado em seus armazéns, enquanto outras permaneceram fora do mercado.

Fonte: Cepea